Páginas

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

ESTRANHOS PRAZERES.....




Graça da Praia das Flechas

Quando penso em ti
Sinto-me voluptuosa
Tomada de estranhos prazeres
Formosa
Perfeita
Gostosa. 
 Transfiguro-me ao ver teu sexo nu
Palpitante
Querendo tomar rumos errantes
Em direção ao meu centro pagão
Ponto certeiro de minha mais profunda emoção.
Sentimento intenso que aflora
Toda vez que pela minha vulva imploras.
Dizes que para ti sou um vício
Que vim para ficar
Te pego em qualquer lugar.
Sou a presença da Carne
Do desejo infinito
Cristã
Porém pagã no grito
Pecadora
Impostora
Mas de tua espada
Sou a detentora.
Desejos insaciáveis
Inconfessáveis
Tomam conta de mim
Vou serpenteando
Implacavelmente me intrometo até o fim.
Te atiço
Te atiras
Te arrebato
Tentas te defender
Mas em minha língua tesa
Estouras de prazer.
Dou-te então meu doce vinho
Que te faz enlouquecer
Tendo-me ao teu membro à lamber
Com minha sensual desfaçatez
Terminas em infinita embriaguez. 



Direitos Autorais Reservados ®
*** Campanha pelos Direitos Autorais
na Internet ***
NITERÓI – RJ

Nenhum comentário: